Todos estes trabalhos são únicos e feitos com muito amor. Poderei fazer exemplares semelhantes, mas por vezes é difícil reproduzi-los na totalidade, uma vez que são feitos à mão. Quase sempre há um ou outro pormenorzinho diferente, que lhes dará um toque especial. . *Para encomendas ou algum esclarecimento utilize: alexandrazevedo@msn.com

Seguidores

quarta-feira, 26 de maio de 2010

A Rita já nasceu!!!!

Aproveitando os motivos da vida para fazer mais um miminho.
Benvinda Rita, com muito amor e carinho.

Para as Mães...



Poderá ser usado como porta-chaves ou então de adereço na mala, ou até mesmo pendurado num cantinho especial... é só usar a imaginação.


Telha Córócócó

A minha experiência em telhas.
Aplicação técnica do guardanapo e pintura à mão

sábado, 22 de maio de 2010

Pincushion ou alfineteiro...


Mais uma almofadinha para os alfinetes da minha irmã, o outro foi tão elogiado que ela o deu.
Então fiz este ainda mais especial porque acrescentei um pormenor... alfinetes de costura decorados com motivos florais moldados À mão em massa biscuit.
Com muito carinho mana, espero que gostes...

Inspiração Terra



Inspiração animaizinhos

Mais umas molinhas para lembrar de alguma coisa!...


terça-feira, 11 de maio de 2010

Quem tem uma Daniela, quem tem??? E uma Maria??

A primeira tinha de ser... para a minha princesa!!
E a amiguinha dela, a Daniela também teve uma surpresa!!

sábado, 8 de maio de 2010

Mais uma experiência...


A primeira de muitas, adivinham para quem foi??? Pois claro!!!
¨º´*Para a mãe e para a filha*`º¨


Pulseirinhas em nós franciscanos, ajustáveis ao pulso.

quinta-feira, 6 de maio de 2010

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Fralda Borboleta


Fralda de algodão para passeio
Há quem chame fralda de boca ou fralda de ombro...
       *

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Um anjo subiu ao céu...para a Catarina!

Que descanse em paz, entre os esplendores da luz perpétua.
Imagem retirada da net!


"A morte chega cedo,
Pois breve é toda vida
O instante é o arremedo
De uma coisa perdida.

O amor foi começado,
O ideal não acabou,
E quem tenha alcançado
Não sabe o que alcançou.

E tudo isto a morte
Risca por não estar certo
No caderno da sorte
Que Deus deixou aberto. "

Fernando Pessoa
*

Já viste este? E aquele? Vá, não te vais arrepender! (^.^)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...